quinta-feira, 29 de junho de 2017

ESCOLA DE PARAÍSO APOSTA EM NOVAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS PARA ACELERAR A ALFABETIZAÇÃO



Educadores da Escola Estadual Juscelino Kubitschek de Oliveira, localizada em Paraíso do Tocantins, desenvolveram uma prática pedagógica mais eficiente para alfabetizar os alunos que apresentaram dificuldades com a decodificação das letras e sílabas. A ideia partiu das professoras Lorayne da Silveira Morais Freitas, coordenadora pedagógica, e Neuzelina Inácia Maciel, coordenadora de Programas e Projetos.
As duas educadoras priorizaram o ensino das práticas de alfabetização após perceberem o número de alunos que ainda não sabiam ler, mesmo cursando o ano em que já deveriam conhecer as palavras. Elas elaboraram o material, compartilharam com a professora da turma e, juntas, foram trabalhar a alfabetização para os alunos do 2º ano do ensino fundamental.
O resultado de um mês de trabalho é que os alunos já começaram a ler. A escola conta com 200 alunos matriculados nas duas fases do ensino fundamental e é parceira do Instituto Ayrton Senna, com o programa Circuito Campeão.
“Foi um projeto simples, que deu certo e, no próximo semestre, vamos atuar com os estudantes do 3º ano do ensino fundamental que ainda não conseguem ler”, contou Lorayne.
Trabalhar coletivamente para garantir a qualidade da educação foi o que fez a equipe da Escola Estadual Juscelino Kubitschek de Oliveira. A experiência foi compartilhada pelo diretor regional de Educação de Paraíso, Neivon Bezerra, durante encontro realizado na Sala de Reuniões da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes, com educadores e parceiros do Instituto Ayrton Senna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.